A endívia é uma planta que se caracteriza por seu sabor amargo. Muitas vezes é utilizado em saladas ou para preparar entradas fáceis e salgados saudáveis. Além disso, suas folhas e raízes são usadas no alívio de dores de estômago e febre.

As endívias são formadas por quase 95% de água, sendo recomendadas para dietas de baixa calorias. Elas também contêm fibras, o que ajuda a regular o intestino. Possuem minerais, como o cálcio e o potássio. Ainda são ricas em beta-caroteno, propriedades antioxidantes e anticancerígenos.

como-cultivar-endivias-em-casa-jardinagem-blog-usenaturezaVamos aprender como cultivar as endívias em casa?

A endívia é reproduzida por sementes. Então, a primeira coisa a fazer é enterrar suas sementes em linhas no solo, sem pedras e bem fertilizado a uma profundidade de até a 20 centímetros. Irrigue as sementes e tente mantê-las longe das ervas daninhas. NOTA: A época de plantio deve ser feita por meados de inverno para o final da primavera.

Das plantas você irá obter folhas (que podem ser usadas na preparação de saladas), e uma raiz que você deve enterrar em um buraco com 50 centímetros de profundidade. Deve cobrir a planta com palha ou plástico opaco por 30 a 50 dias, nesse período aparecerão botões brancos e macios.

como-cultivar-endivias-em-casa-chicorias-blog-usenaturezaOutra técnica chamada “forçado”, ocorre quando as raízes são recolhidas e são colocadas em um recipiente grande e profundo. O recipiente deve ser revestida por um plástico opaco e colocada em um local escuro. Depois de um mês gomos tenros aparecem e podem ser consumidos.

como-cultivar-endivias-em-casa-blog-usenatureza


A bicicleta é um excelente meio de transporte, especialmente por suas características relacionadas com a sustentabilidade: não polui e ajuda a manter a boa forma.

bicicleta-feita-a-partir-de-garrafa-pet-eco-friendly-muzzicycles-blog-usenaturezaPor o outro lado, as embalagens PET são um grande problema para as sociedades modernas: cada garrafa leva 10.000 anos para se decompor e hoje, com a quantidade de produtos embalados, há milhões de garrafas jogadas por todo o mundo. Muzzicycles é uma empresa brasileira que uniu essas duas questões em um projeto que usa 200 embalagens de garrafas PET para produzir uma bicicleta.

bicicleta-feita-a-partir-de-garrafa-pet-eco-friendly-blog-usenaturezaJuan Muzzi, artista uruguaio foi o criador dessa iniciativa de transformar garrafas de plástico bicicletas. As garrafas de plástico começaram a ser usadas no Brasil em 1993. As embalagens PET em poucos anos tornaram-se um material altamente poluente com o grande volume de resíduos gerados e por levarem muitos anos para se decompor. Estes resíduos são alojados em rios e oceanos, e seus componentes afetam a saúde dos animais e dos seres humanos.

bicicleta-feita-a-partir-de-garrafa-pet-blog-usenaturezaO projeto desenvolvido pela Muzzicycles trás grandes benefícios como a reutilização de garrafas PET; por ser ecologicamente correto; ser mais barato; não ter ferrugem, ter um design orgânico e confortável. Além disso, ser feita de misturas recicladas de resinas termoplásticas. Autossustentável, extrai menos ferro e minérios e causa menos danos a camada de ozônio.

A empresa brasileira fala desta iniciativa como o “cumprimento de uma utopia”.

Salvar


Guirec Soudée é um jovem francês de 24 anos que decidiu viajar ao pelo mundo. Mas, ele não quis encarar essa aventura sozinho. Sendo assim ele convidou Monique, uma galinha que se tornou sua fiel companheira.

uma-companheira-de-viagem-diferente-blog-usenaturezaJuntos, eles partiram da França em 2014 e viajaram a costa oeste da África até o Caribe. Em seguida, eles foram para o Ártico e passaram pelo Estreito de Bering, chegando no Alasca. Guirec e Monique navegaram por 02 anos juntos em um barco de mais de 11 metros, chamado Yvinec.

uma-companheira-de-viagem-diferente-franca-blog-usenatureza uma-companheira-de-viagem-diferente-guirec-monique-blog-usenatureza

Após embarcar em sua aventura, Guirec escolheu Monique: “Escolher uma galinha foi perfeito, já que ela não precisa de muito cuidado e eu posso comer os seus ovos durante a viagem, disse Guirec.

Salvar


Se você está planejando uma viagem para a França, tenha cuidado com as estradas que você escolher, pois elas podem simplesmente desaparecer…

A estrada localizada na França tem pouco mais de 4km liga o Golfo do Burnёf com a ilha de Noirmoutier, Passage du Gois é extremamente perigosa já que ela some duas vezes por dia, quando a maré fica alta.

Então, as pessoas podem usar esta estrada apenas duas vezes por dia durante algumas horas. Existem painéis especiais em ambos os lados da estrada que avisam quando é segura usá-la. Embora, mesmo com esses avisos as pessoas ainda fiquem presas e tenham que usar as torres de resgate e esperarem por ajuda.

a-estrada-que-desaparece-2-vezes-ao-dia-franca-blog-usenatureza a-estrada-que-desaparece-2-vezes-ao-dia-blog-usenatureza a-estrada-que-desaparece-2-vezes-ao-dia-du-gois-blog-usenatureza


...10...1920212223...304050...