C6AA95B3437B4C43A7A9F9FF70948C78

O novo estudo, publicado na revista Proceedings, os biólogos marinhos da Universidade de St. Andrews, na Escócia, aplicaram uma técnica que identifica assobios dos golfinhos usando vários critérios, tais como a sua tendência para serem repetitivos e permanecem constantes ao longo do tempo.

Assim que os pesquisadores tocaram o assobio através de um alto-falante debaixo d’água, os golfinhos responderam apenas para os seus próprios assobios. Sempre que um golfinho ouvisse o seu “nome”, ele respondia, assobiando de volta, muitas vezes imediatamente.

Alguns golfinhos se aproximaram do barco logo depois de responderem.